Olá pessoal, visitei o The Burger Map em Santo André e vou compartilhar com vocês a minha experiência no local:

A casa é confortável com dois ambientes (varanda e interno), bem equipada e sua ambientação nos remete às tradicionais hamburguerias norte-americanas. No período em que estive por lá pude notar que o som ambiente era a transmissão de uma rádio online americana, o que fez a experiência ficar ainda mais agradável.

De maneira geral, o atendimento no salão (recepção e garçons) foi a contento e ágil, mas como nem tudo são flores, para entrar no The Burguer Map tive um grande desconforto e faço questão de dividir com vocês. A casa dispõem de lista de espera para entrada com tokens e sistema integrado para você acompanhar direto no seu smartphone quantas mesas existem na espera antes de você e demais informações. O fato de ter o seu nome na lista, estar com o token em mãos e com uma baita fome não garante que você entrará na casa como sinalizado e a razão é simples: ao chegar ao local, você deve informar à recepcionista que precisa de mesa para 4 pessoas, por exemplo, e quando sua senha for chamada e estiverem no local apenas você e sua namorada ou namorado, a fórmula que a casa encontra para gerenciar isso é fazer a sua reserva ficar suspensa até os demais chegarem e conseqüentemente, outra reserva que esteja “completa” passará na frente. No dia em que estive lá, constatei  4 mesas vazias totalizando 12 lugares e aproximadamente 20 pessoas do lado de fora se escondendo da garoa e da chuva que caia eventualmente.

O cardápio é similar aos das hamburguerias espalhadas por São Paulo. Para beber, os destaques são: Cherry Coke, Vanilla Coke e Pink Limonade. Como aperitivos, o destaque vai para Chili Cheese Fries (batatas fritas cortadas manualmente e bem fininhas, acompanhadas com chili e molho cheddar). Cada um dos sanduíches são referências aos estados americanos e são chamados no cardápio por Regional Burgers, com destaque para o Po Boy Burger (Hambúrguer, queijo cheddar, cajun fries, alface, tomate e lemon aioli servido na baguete). Segundo o cardápio, esse sanduíche símbolo é o símbolo do estado de Louisiana, são vendidos apenas 15 por dia e foi ele mesmo que degustei. Agora, algumas das minhas impressões: tive dificuldades para cortar a baguete que passou um pouco do ponto ao ser aquecida e ficou endurecida, já o ponto da carne é outra observação importante, pedi ao ponto, porém a carne foi apenas selada e na parte interna estava completamente crua e dessa forma, pedi para trocar o ponto de cocção. Apesar desses impasses, gostei da harmonização dos ingredientes.

Ao navegar pelo cardápio, você também pode optar pelos Classics Burgers, assim como Hot Dogs, saladas e sobremesas.

Dica para quem gosta de cerveja: no cardápio há a sugestão dos tipos de cervejas que harmonizam com cada sanduíche.

Pontos fortes: variedades de sanduíches e ambientação da casa.

Pontos fracos: gerenciamento da espera.

Fique atento: Ao pedir o seu sanduíche não se esqueça de confirmar o ponto com o garçom.

Avaliação: 7,0 – vale a visita

The Burger Map
Rua das Aroeiras, 442 – Bairro Jardim
Sto André – SP
Tel. (11) 2534-0747
www.theburgermap.com.br

logotipo

Imagem: www.theburgermap.com.br

Socorro Chef
Apaixonado! Essa é a melhor definição sobre quem é Bruno Bertozo. Gastrônomo e Relações Públicas de formação, pós–graduado em Administração e Marketing, alia os conceitos de comunicação ao mercado da gastronomia e as delícias da gastronomia ao mundo corporativo. É idealizador do Blog Socorro Chef! que tem por objetivo informar e solucionar dúvidas de internautas que cozinham de maneira amadora ou profissional sobre os mistérios e magias da gastronomia.

5 Comentários

  1. Angela Barboza disse:

    Não conheço a casa, no entanto, atentando às suas observações, de modo imediato, o que pode comportar alguma injustiça, me restou a sensação desconfortantede que, além do sistema de espera, no qual, tenho que aguardar que todos os meus convidados estejam presentes para que eu possa ocupar a mesa, corro sério risco do meu pedido não ser servido conforme solicitado. Como cliente, consumidor, tal situação não me agradaria de forma alguma. No entanto, necessário se faz a experiência propria, ou seja, conhecer pessoalmente a casa.
    No mais, gostei da sua iniciativa e, por outro lado, aguça a vontade de conhecer o estabelecimento e viver a experiência………….

    • Bruno Bertozo disse:

      Exatamente Angela, é muito importante a visita ao local para conhecer melhor e viver a experiência!!!

      Fico feliz que tenha gostado do post e continue nos acompanhando para trocarmos figurinhas sempre!

  2. Angela Barboza disse:

    Claro chef Bruno que pretendo conhecer a casa…. afinal suas observaçoes foram muito úteis e no “frigir dos ovos” com clareza…recomenda a casa…se voce recomenda…. vou conhecer ……..

  3. Fel Pereira disse:

    Falando em hamburgueria recomendo a que abriu no Shopping ABC PLAZA, chamada Johnny Rockets otimo lanche e um atendimento muito bom.

    Não conheço esta, mas irei e depois coloco meu comentário.

    Forte abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *